Quem diria?

0

Quem diria?

Não é só de amor que vive essa blogueira aqui que vos fala.

Eu vivo de luz,

Comida,

Pessoas,

Conquistas e

Viagens!

Nesse meu espaço aqui no Lógica Feminina, vou falar de tudo um pouco.

Às vezes em prosa

Às vezes em poesia

Eu só espero que juntas nós possamos fazer uma grande viagem dentro do meu ser, que é maluco, mas muitos diriam, também apaixonante!

😉

E vambora que tem texto escrito em Aruba pra vcs acompanharem:

Antes de começar a ler essa parte, dê um play nessa música:

“Quando eu me vi já estava à beira de um mar paradisíaco, com o celular na mão e o fone no ouvido.

Era minha primeira vez em uma praia tão limpa, com uma água tão cristalina…

Nesses momentos em que você desbrava o desconhecido sua mente começa a viajar pra longe…

Uma voz forte me trás pra realidade… era a  P!nk chegando na minha playlist.

~ Who Knew? ~

Essa música…

Essa música me lembra tanto ele….

Começo a relembrar tudo o que vivi, tudo que aconteceu nos últimos três anos e cada passo que me trouxe até aquela praia.

Olhando para trás, quase não consigo reconhecer aquela menina de 2010, que tinha medo de tentar sozinha, de encarar as coisas, que amava alguém que não a fazia enxergar a pessoa maravilhosa que ela era.

Procuro fotos no meu celular eme recordo que não tenho mais nada que me lembre aquele tempo, uma forma segura de não relembrar o passado.

Eu amava, mas não vivia de bem comigo mesma… Quem diria?

É normal nos acostumarmos com alguém ao nosso lado, quando temos a aquela “certa certeza de que essa pessoa nos faz bem mesmo que eu não esteja feliz sempre”, aí não conseguimos enxergar as amarras de uma situação quando elas estão ali, escancaradas bem na nossa frente!

Comigo foi assim…

A Núbia de 2010 jamais pensaria que em 2013 estaria em Aruba, Linda, Sorridente e Feliz!

Quando a gente se liberta de algo ou alguém que nos impede de crescer, um novo mundo se abre. As coisas acontecem, os caminhos se tornam mais fáceis e parece que não, mas até mais bela a gente fica!

Eu precisei ir embora, eu precisei não querer mais aquela situação, caso contrário, certamente estaria até hoje com ele.

A dúvida incomoda e faz sentir saudade?

No começo, milhões de vezes: sim!

Mas, aos poucos, você vai se acostumando com uma nova pessoa, vai redescobrindo coisas que um relacionamento abusivo te fez esquecer sobre você mesma e se olhará no espelho e saberá que para ser feliz, só você basta!

Novos amores virão, SEMPRE!

Assim como novas amizades, conquistas e descobertas! O passado jamais será apagado e é através dele que tenho orgulho de ver a trajetória de quem em tornei.

Às vezes, dá vontade de saber como ele está. Se evoluiu como homem, se aprendeu a respeitar melhor uma mulher, se ele mudou tanto quanto eu.

Mas essa vontade passa toda vez que eu escuto P!nk.

Através dela eu me tornei uma mulher segura, forte e dependente apenas dos meus objetivos de vida…

Who Knew 😉

PS: você também consegue!

Já passou por cima de muita coisa, já caiu muitas vezes e se quebrou outras tantas (o tornozelo, principalmente rsrs), mas sempre lutou para se levantar e até caída, permanece de pé!
Meu sonho sempre foi ser a mulher Maravilha, mas acabei virando um projeto de Iron Girl 😉
Mãe de Adolescente

Comentários

comentários

Comments are closed.