Cansei. Cansei desta vida ensaiada, da qual sempre guardo o meu melhor para algum momento que nunca chega.

Me dei conta de que estava vivendo um eterno ensaio do que eu considerava ser uma vida espetacular.

Percebi que não usava as minhas melhores louças no dia a dia, pois guardava-as para quando vinham as visitas.

As roupas que me caíam bem, eu só usava quando ia a eventos com pessoas praticamente desconhecidas.

Também notei quantas vezes deixava de preparar pratos especiais no dia a dia, mas os preparava para as visitas.

E pensei: porque tanto ensaio? Qual seria este tão esperado grande dia?

Foi aí que comecei a viver todos os dias como se fossem o tal “grande dia”.

Coloquei as melhores louças para serem usadas no dia a dia.

Comecei a me arrumar até para ir na padaria da esquina.

Aprendi a cozinhar pratos mais elaborados para fazer no lugar do trivial e de sempre.

Todos os dias, invento um motivo novo para comemorar.

Cansei desta vida ensaiada, como quem sempre esperar por algo que nem se sabe direito o quê.

Todo dia é um bom dia para eu usar roupa nova.

Toda hora é hora de eu tomar água na taça.

Meus dias não são mais ensaios para um dia especial.

Agora, todos os dias são especiais de um jeito único.

Porque não adianta nada eu ver a vida de outro jeito, mas continuar vivendo-a do jeito de sempre, me barrando de aproveitar tudo o que posso da maneira como dá.

Cansei de ensaiar. Agora eu vivo um grande espetáculo todo dia, desde que acordo.

Todo dia é especial de alguma forma.

Todas as pessoas são especiais, especialmente as que estão sempre comigo.

E eu, eu sou sempre especial, me vestindo de maneira especial para mim mesma e não para alguém ou um evento.

Mas para mim, para me sentir sempre especial e não mais nesta vida ensaiada.

Afinal, cansei.

 

 

Comentários

comentários

About Author

Romântica, mas de um jeito nada romântico. Escrever é como construir uma colcha de retalhos: vou juntando pedaços de histórias, sentimentos e pensamentos meus, seus, de outras pessoas. E a cada vez que você me lê, me cita e me compartilha, enche meu coração de alegria e mostra para alguém um pouco mais de você, de mim e, claro, dela mesma. Amo escrever, mas amo mais ainda ser lida. ♥

Comments are closed.