A endometriose pode causa esterilidade e outros agravamentos, por isso é importante o diagnóstico precoce.

O diagnóstico precoce pode impedir que a endometriose tome proporções comprometedoras.

Recentemente contei no blog Mãe de Adolescente, que passei um grande susto após negligenciar minha saúde, vindo a sofrer uma infecção urinária severa.

O que é endometriose?

O endométrio é o tecido que recobre a superfície interna do útero e a endometriose é o crescimento anormal do endométrio fora do útero.

O tecido endometrial pode crescer na cavidade pélvica e infiltrar ovários (cistos de endometriomas), trompas, regiões retrocervical e retrouterina, vagina, intestino, bexiga e parede abdominal.

Uma vez que o endométrio está fora da cavidade uterina, ele também está sujeito a efeitos hormonais ao longo do ciclo menstrual.

Isto pode, ainda, provocar alterações inflamatórias e promover aderências entre órgãos.

Sintomas da endometriose

endometriose

  • Dores locais: parte inferior das costas, parte inferior do abdômen, pélvis, reto e vagina.
  • Tipos de dor: aguda, forte ou leve
  • Dores circunstanciais: durante a relação sexual
  • Na menstruação: menstruação anormal, menstruação dolorosa, menstruação intensa, menstruação irregular ou sangramento pela vagina
  • No aparelho gastrointestinal: constipação, incapacidade de esvaziar o intestino, náusea ou quantidades excessivas de gases
  • Na região genital: sangramento vaginal
  • Também é comum: dor ao defecar, hiperalgesia, infertilidade ou sensação de estufamento abdominal

Diagnóstico da endometriose

O diagnóstico de endometriose se baseia no histórico clínico e no exame ginecológico da paciente, muitas vezes combinados com ultrassom transvaginal com preparo intestinal e ressonância magnética.

De acordo com  Maria Teresa Natel, médica ultrassonografista do CDB Premium, em São Paulo, alguns sintomas tornam necessária uma investigação mais aprofundada, através de ultrassom transvaginal com preparo intestinal.

Este ultrassom deve ser, de preferência, feito logo depois da menstruação, mas não há impeditivo para ser realizado em outras fases.

O preparo intestinal é feito no dia anterior, com dieta pobre em resíduos e laxantes.

Pouco antes do exame é feito um esvaziamento do reto, a fim de facilitar o diagnóstico de eventuais lesões intestinais.

 

 

Comentários

comentários

About Author

Romântica, mas de um jeito nada romântico. Escrever é como construir uma colcha de retalhos: vou juntando pedaços de histórias, sentimentos e pensamentos meus, seus, de outras pessoas. E a cada vez que você me lê, me cita e me compartilha, enche meu coração de alegria e mostra para alguém um pouco mais de você, de mim e, claro, dela mesma. Amo escrever, mas amo mais ainda ser lida. ♥

Comments are closed.