Poker, o jogo da sedução: aprendendo a conquistar jogando Poker

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Poker é um jogo interessantíssimo por misturar lógica e comportamento. Tal qual a sedução, é uma arte.

 

Aprenda a seduzir jogando Poker | Parte 1: Texas Hold’em NL

O Texas Hold’em é a modalidade de Poker mais popular do mundo. E nossa primeira lição de sedução com o Poker será baseada nele.

[pullquote]Mão | Poker Texas Hold’em[/pullquote]

poker
Mão

No Poker: No Texas Hold’em cada jogador recebe duas cartas, que serão a mão do jogador. Baseando-se nelas é que o jogador avaliará se compensa pagar, apostar ou desistir do jogo.

Na conquista: Esta fase se equipara a observar o local e as possibilidades de paquera. Muitas vezes, sua mão não compensa a aposta, então é melhor esperar a próxima mão ou a próxima paquera.

 

[pullquote]Pré-Flop | Poker Texas Hold’em[/pullquote]

poker

No Poker: Após ver a mão e pagar ou aumentar a aposta, o jogador espera a rodada para ver os demais jogadores que também pagam, aí o dealer abrirá o pré-flop e, a partir daí, os jogadores podem observar suas reais possibilidades de ganhar o jogo com cartas, de blefar ou desistir.

Na conquista: O pré-flop da conquista é a troca de olhares, sorrisos e a avaliação das possibilidades de aproximação. Também é importante avaliar o comportamento e a relação dos concorrentes com a paquera, para ver se ela troca olhares com outros. Sempre é tempo de desistir, de pagar ou até apostar mais.

 

[pullquote]Flop | Poker Texas Hold’em[/pullquote]

poker

No Poker: Agora, mais uma carta é colocada na mesa e as possibilidades de apostas se assemelham ao pré-flop. É hora de observar se ainda há chances de vencer ou se é hora de escolher pagar, apostar, blefar ou desistir.

Na conquista: O flop é semelhante à aproximação, onde você pode conversar e ver, através da voz, do comportamento, dos olhares, da reação, se ainda é tempo de continuar pagando para ver ou até apostando mais alto nesta paquera.

 

[pullquote]Turn | Poker Texas Hold’em[/pullquote]

poker

No Poker: Após a rodada de apostas do flop, o dealer apresenta o turn, que seria a quarta comunitária carta da mesa e também é conhecida como “Fourth Street”.

Na conquista: Após o flop, onde você já sabe a recepção da pessoa com relação à você, já é possível perceber se esse jogo dá pé ou não. E é geralmente a hora em que os jogadores começam a aplicar o blefe. Os que tem cartas para ganhar, mas são medianas, muitas vezes, correm quando os que não tem cartas aumentam suas apostas.

 

[pullquote]River | Poker Texas Hold’em[/pullquote]

poker

No Poker: também conhecida como “Fifth Street”, é a última carta comunitária do jogo. É também a última rodada, onde quem ainda está no jogo depois do Turn vai ter que escolher entre pagar, apostar ou desistir mesmo depois de ter pago todas as apostas anteriores. É também uma das mais agressivas rodadas, já que é derradeira.

Na conquista: Esta é a hora em que é feita a investida. Se você chegou até aqui e considera ter cartas para ganhar o jogo, é hora de apostar. Agora, se não tem, pode blefar e tentar mesmo assim. Muitas vezes, dá certo e, no final, fica até mais divertido.

O jogo de Poker, na verdade, ensina lições não só de conquista, mas para a vida. Numa dinâmica de analogias, é fácil perceber como é importante avaliar os pontos antes de arriscar, mas que muitas vezes temos também que “pagar para ver”.

Bom, esta foi só nossa primeira postagem. Espero fazer outras sobre outras modalidades de Poker x conquista.

Você joga Poker? Quer começar?

 

Comentários

comentários

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.